Home / Baixada Santista / 8 de março tem greve internacional das mulheres

8 de março tem greve internacional das mulheres

Dia Internacional das MulheresNo próximo 8 de março, quando é celebrado o Dia Internacional da Mulher, mulheres de todo o mundo organizam uma greve geral, contra os retrocessos e pela garantia de direitos. Aqui no Brasil, a principal pauta dos movimentos feministas é a luta contra a reforma da Previdência, que afeta diretamente a vida das mulheres, além da retirada de direitos sociais promovida pelo governo Temer.

A data marca o assassinato de mais de uma centena de mulheres operárias, tecelãs, de uma fábrica de tecidos em Nova Iorque, que organizaram uma greve reivindicando direitos como redução de jornada de trabalho – era de 16 horas diárias -, equiparação de salários com os homens (recebiam em torno de 1/3 do salário de um homem exercendo a mesma função), e tratamento digno no ambiente de trabalho. Os policiais reprimiram a manifestação com extrema violência, trancafiaram – a mando do proprietário – em torno de 130 mulheres na fábrica, que foi incendiada. As guerreiras morreram carbonizadas.

Em muitas cidades, o Poder Público – sempre patriarcal – propõe programações festivas e completamente esvaziadas de conteúdos e reflexões, negligenciando questões de profunda relevância como as discussões sobre o machismo estrutural, que permeia nossas posturas e mentalidades. Oferecem atividades direcionadas à estética – o que não seria um problema se trouxessem em seu bojo propostas de reflexões, por exemplo, sobre o corpo feminino e padrões de beleza -; ou práticas equivocadas que reforçam os estereótipos do que é “trabalho de mulher”, como cursos de corte e costura, confeito de bolo, manicure, etc. Reforço: a contrariedade não está nas atividades em si, mas na distorção ou esvaziamento de significado.

De que adianta oferecer flores e negar direitos? A mais clara ação do machista é negar o próprio machismo. A primeira batalha contra o machismo se trava dentro de cada um de nós.

Não há mais espaço para a hipocrisia. A sociedade civil precisa discutir esta questão, pois é o primeiro passo para transformação das mentalidades. Que o Poder Público assuma sua responsabilidade na luta contra o machismo e promova ações para uma educação crítica sobre o tema, que promova ações que empoderem as mulheres. Pois, enquanto se esvaziam significados e discussões, mulheres continuam a ser oprimidas, vítimas de violência e mortas.

Dia Internacional das Mulheres na Baixada Santista

Santos

Câmara de Santos
Homenagem as Mulheres Santistas de destaque
Dia 8/03, às 9h
Local: Auditório Zenny de Sá Goulart
Lançamento da Campanha Laço Branco
Dia 8/03, às 19h00
Local: Auditório Vereadora Zeni de Sá Goulart, piso térreo. Aberto ao público

Museu do Café
O Núcleo Educativo realizará a Oficina de Autorretrato: “Sou Mulher, logo existo”.
Dia 8/03, às 14h
No sábado, um bate-papo e oficina de desenho: “A figura e o papel da mulher na história da arte”. As atividades são gratuitas. Para visitas agendadas, é necessário se inscrever pelo e-mail educadores@museudocafe.org.br.
Dia 11/03, às 14h

São Vicente

Dinâmica, conscientização e interação entre as mulheres
Dia 8/03 às 19h30
Local: Sede a Associação Comercial (Rua Jacob Emmerich, 1238 – Parque Bitaru).

Cubatão

Bate-papo sobre universo feminino e arte. Participam do encontro: Carlota Cafiero, jornalista da área cultural; Marilda Canelas que abordará gestão cultural; Mô Amorim que vai falar sobre Cultura na Educação; a ilustradora Nice Lopes e a escritora Viveram Távora.
Dia 6/03 às 19h
Local: Bloco Cultural (Praça dos Emancipadores, s/nº). Entrada franca.

Itanhaém

O Fundo Social da cidade irá celebrar a data com um evento onde serão disponibilizados serviços como aferição da pressão arterial, corte de cabelo, maquiagem, manicure, avaliação de peso e orientações da Secretaria de Assistência Social e brindes.
Dia 08/03 das 13h às 17h
Local: Praça Narciso de Andrade

Mongaguá

A Diretoria de Assistência Social (DAS) promoverá, a partir do dia 8, um Curso de Automaquiagem, com extensão durante todo o mês de março. A iniciativa visa trabalhar não só a autoestima das mulheres, mas criar uma fonte de geração de renda para as participantes.
A partir do dia 08/03, das 9h às 11 h
Local: Centro Social de Agenor de Campos (Alameda Itanhaém esquina com a Rua Santa Terezinha)

Bertioga

O Fundo Social de Solidariedade da cidade realizará a 1ª Semana da Mulher. O evento oferecerá massagens, cortes de cabelo, crochê com fios de malha, entre outras atividades.
Dia 06 /03 das 13h às 17h
Local: Espaço Cidadão, Rua José Costa, 138 – Boraceia

Projeto Bem Querer
Dia 07/03 das 13h às 17h
Local: Rua Luiz Otávio, 266 – Vista Linda

Dia 08/03 – Dia Internacional da Mulher
15h00 Yoga
16h00 Dança Salão Conceição
17h00 Alongamento
LOCAL: Tenda de eventos – Av. Thomé de Souza, ao lado do Parque Tupiniquins e Forte São João – centro

Sobre imoveisnabaixada_admin

Veja também

Desemprego

1.500 vagas a menos na Baixada Santista – Só em Maio/2017

  Aí fica difícil.. A Baixada Santista registrou um déficit de 1.583 vagas de emprego …